Como ter equipes de alto desempenho em TI na sua empresa?

  • Compartilhar

 

*Por Marcos Andrade

As pequenas e médias empresas (PMEs) oferecem grandes desafios e oportunidades para o CIO. Se por um lado, a operação já demanda sistemas robustos, estrutura para segurança de dados e alta disponibilidade, por outro, ainda apresenta dificuldades com a estruturação de processos internos e necessitam de grande flexibilidade para responder rapidamente às demandas do mercado.

Isso significa que o líder do departamento de tecnologia ainda precisa usar muito de sua bagagem técnica para solucionar questões práticas do dia a dia. Se durante a atualização de versão do ERP acontece uma falha e o sistema sai do ar, o CIO se envolve pessoalmente até que a situação seja normalizada, certo? E se um link de internet cai e a empresa fica sem conexão? Ele também precisa dedicar seu tempo para garantir a solução rápida do problema.  

E não é somente o tempo do CIO que é consumido pelas demandas operacionais e de baixo valor agregado. Sua equipe, geralmente bem enxuta, também encontra dificuldades para oferecer o suporte adequado tanto para as demais áreas de negócios, quanto para os clientes. Isso, sem mencionar as escalas de feriados e férias que adicionam uma dose extra de emoção à agenda do CIO.

A gestão de custos do departamento também é um tema muito discutido, afinal, uma empresa que não é de tecnologia, não pretende investir seus recursos na área de TI e sim nas áreas que tradicionalmente geram receita, como a comercial e de desenvolvimento de produto, por exemplo. Mas, como CIO, você sabe que a TI estratégica pode fazer toda a diferença nos resultados da companhia e precisa tomar uma atitude para mudar o quadro atual.

Em reportagem do blog Radar do Emprego, Fábio Saad, gerente sênior da divisão de tecnologia da Robert Half (maior empresa de recrutamento especializado do mundo), conta que o profissional de TI deverá cada vez mais ser formado para ter características empreendedoras e para ser um agente transformador. No mesmo artigo, Leonardo Trevisan, professor da Faculdade de Economia da PUC-SP, afirma que a tendência é que a empresa não observe somente o resultado de um departamento, mas sim, o impacto que o profissional produz para o negócio.

Essa atualização no cenário profissional e corporativo explica a forte tendência da adoção da cloud computing nas empresas que buscam mais inovação e desempenho. Migrar para a nuvem certa  é o caminho para atingir seus objetivos e superar seus desafios na PME!

O parceiro de TI ideal vai ajudar o CIO a estabelecer uma TI estratégica e assim, montar uma equipe de alto desempenho em TI, oferecendo uma infraestrutura robusta para garantir que seus sistemas de missão crítica estejam seguramente hospedados e disponíveis, conduzindo todas as demandas operacionais com suporte gerenciado. Dessa forma, o CIO terá mais tempo para pensar no negócio e liderar a inovação dentro da empresa.

Contando com um fornecedor especializado, você passa a ter uma equipe de profissionais dedicada ao seu negócio e constantemente atualizada. Além disso, a cloud corporativa pode enxugar até 50% dos custos da TI apoiando uma gestão de custos mais eficiente, pois o modelo de negócio é flexível, ideal para as necessidades da PME.

*Marcos Andrade é CMO da CorpFlex

Quer saber mais sobre as vantagens do outsoucing de ti? Clique aqui e Baixe  o e-book “Como reduzir custos por meio da tecnologia da informação!

 

Comentários

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Quem já está na nuvem certa