Falta de talentos para cloud computing já preocupa

  • Compartilhar

Fonte: Computerworld Dezembro

Existe uma escassez inédita de talentos para iniciativas de cloud computing segundo um estudo da IDC, encomendado pela Microsoft. O trabalho foi elaborado a partir de entrevistas com mais de 600 gestores de contratação de todo o mundo e procura perceber o impacto da cloud computing na taxa de emprego em TI – além da forma como influencia a organização dos departamentos de TI.

O mercado de TI deve crescer cerca de 1,1 a 2,7% até 2020. E as habilitações relacionadas com cloud computing também estão associadas a praticamente todas as oportunidades de crescimento dos empregos em TI, por todo o mundo.

De acordo com o estudo, a procura por pessoas competências relacionadas com cloud computing deverá crescer a um taxa seis vezes maior que o indicador associado a habilitações de TI em geral. Embora normalmente haja lacunas de talento causadas pela rápida expansão dos mercados ou por limitações de sectores geográficos, o mercado de cloud computing é diferente, diz a IDC.

Segundo o estudo, encontrar pessoas com a combinação certa de habilitações para cloud computing será o maior desafio para as empresas de TI nos próximos anos. “Apesar do crescimento modesto do sector de TI nos EUA, os empregos relacionados com a cloud computing tendem a aumentar à medida chegamos ao finde 2012.

Mas com esse aumento, emerge também a dura realidade sobre as forças de trabalho em todo o mundo: estão passos atrás quando se trata de atingir as habilitações necessárias para prosperar na indústria de cloud computing “, diz Cushing Anderson, vice-presidente da IDC.

Normalmente, as faltas de talentos de TI são temporárias. Segundo a IDC, no entanto, a indisponibilidade de trabalhadores de TI qualificados e será um desafio persistente que vai exigir dos empregadores, uma boa estratégia para estar na frente desta tendência.

“Ao contrário da escassez de competências no passado, resolver este défice é extremamente desafiante, dado a cloud computing exigir um novo conjunto de habilitações, que não foram necessários no passado. Não há um conjunto fixo de critérios para empregos em cloud computing. Portanto, a formação e a certificação é essencial para a preparação de candidatos a postos de trabalho relacionados com o modelo”, diz Anderson.

Comentários

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Quem já está na nuvem certa