Sua empresa conhece mesmo os pilares da segurança da informação?

  • Compartilhar

 

*Por Marcos Andrade

O número de ataques cibernéticos direcionados a pessoas jurídicas está aumentando a cada dia, forçando as empresas a repensar suas estratégias de segurança da informação. O WannaCry, por exemplo, infectou mais de 300 mil máquinas em 150 países distintos, incluindo o Brasil; poucas semanas depois, de acordo com o UOL, um novo malware derivado começou a circular em nosso território, atingindo até mesmo os sistemas de hospitais de grande porte.

Esses acontecimentos nos fazem enxergar a importância de adotar soluções de segurança para o setor de TI que evitem a perda ou o vazamento de dados sensíveis, tal como a desestabilização de sistemas críticos ao seu core business.

Neste artigo, você vai conferir algumas dicas e conhecer os pilares da segurança da informação que todo gestor precisa implementar no seu empreendimento caso queira se ver livre de tais ameaças.

Criando um ambiente seguro

Como você já deve saber, contar com uma solução de Acesso Remoto Seguro já não é mais uma opção, e, sim, uma necessidade para garantir a segurança da informação. Com as revoluções nos formatos de trabalho, hoje em dia a mobilidade é algo essencial. O que permite a possibilidade de que funcionários utilizem dispositivos móveis para acessar informações corporativas em qualquer momento e de qualquer lugar, usufruindo de um ambiente computacional remoto. Esse é mais um motivo para reforçar o uso de soluções de segurança para o setor de TI e garantir um acesso remoto seguro.

A nuvem exerce um papel fundamental para para promover agilidade e mobilidade dos dados e para que os dados transitem de forma mais segura as empresas necessitam de ferramentas e serviços como firewall gerenciado, e solução avançada contra ransomware para prevenir contra ataques e backups automatizados para garantir que você sempre esteja com uma cópia de segurança de seu conteúdo mais relevante. São esses os principais pilares da segurança da informação.

Quando o assunto é segurança da informação, nenhuma medida de proteção deve ser considerada um exagero. Uma boa estratégia deve mitigar os riscos de invasões aos servidores corporativos e precisa ser atualizada constantemente para se manter adequada aos novos tipos de ataques cibernéticos que surgem diariamente.

Capacitando a sua equipe

Porém, um dos pilares da segurança da informação é a “educação que começa em casa”. Queremos dizer que de nada adianta investir em soluções de segurança para o setor de TI se os seus funcionários não forem devidamente educados para não cair em armadilhas que os criminosos cibernéticos utilizam diariamente. Ou seja, mesmo que seus sistemas estejam protegidos, o perigo pode passar para a “camada do usuário”.

Nisso estão incluídos ataques de engenharia social e phishing, por exemplo. Neste segundo método, um colaborador da sua empresa pode receber um email contendo um link malicioso que, ao ser aberto, cria uma porta de entrada para uma possível invasão. Quando o assunto é segurança da informação, o importante é que todos os setores da empresa estejam alinhados quanto a estratégia empregada e atualizados sobre as tendências dos cibercrimes.

Especialistas em segurança da informação

Uma forma eficaz de se proteger contra crimes cibernéticos é contratando parceiros especializados em Acesso Remoto Seguro. Fazendo a terceirização desse tipo de serviço, você pode se concentrar em seu core business enquanto uma equipe especializada no assunto realiza o monitoramento, manutenção e consultoria de sua estratégia de segurança da informação.

A CorpFlex oferece soluções de Acesso Seguro para clientes de qualquer porte e segmento, ajudando você a blindar seu ambiente corporativo usando o poder da cloud computing.

Não deixe de conhecer mais sobre nossos serviços e entre em contato com a nossa equipe comercial!

Confira também no infográfico gratuito os 7 passos para a nuvem certa, fazendo o download aqui.

Comentários

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Quem já está na nuvem certa