TI para o mercado varejista: prepare-se antes de migrar para a nuvem

  • Compartilhar

 

*Por Marcos Andrade

As empresas buscam soluções em TI para o mercado varejista que aumentem a produtividade, a confiabilidade e a segurança em suas operações, mantendo a satisfação dos usuários e o acesso facilitado às informações. O modelo de negócio que claramente proporciona essas vantagens é a adoção do software como serviço (SaaS) que, de acordo com estudo do Cisco, até 2019 absorverá 59% da carga de trabalho na nuvem.

Assim, ao adotar a cloud corporativa, o varejo reduz custos (com aquisição e manutenção de infraestrutura de TI e equipe especializada) e ainda potencializa a operação, ganhando em performance e disponibilidade dos sistemas de missão crítica. Essa equação explica porque migrar para a nuvem resulta em benefícios diretos para o negócio, afinal, o time de TI poderá se dedicar aos projetos de inovação no varejo  e a empresa terá flexibilidade para crescer ou retrair quando necessário.

Migrar para a nuvem certa vai ser decisivo para o seu negócio e para o sucesso da transição é importante que o gerente de TI do varejo se prepare adequadamente. Tenha em mente os principais passos antes da migração:

  1. Pesquise o melhor parceiro

Quando a empresa decide migrar seus sistemas de missão crítica (como e-mails, ERP, CRM ou WMS) para a nuvem, precisa escolher bem seu parceiro de TI. Essa decisão envolve mais do que avaliar somente questões técnicas do data center, mas principalmente, qual é a estrutura de apoio que o gerente terá após a migração. É fundamental contar com um parceiro que entenda seus desafios e se mantenha disponível e atualizado para atuar também como um consultor, impulsionando a performance da área de TI. Uma forma de comprar a experiência do fornecedor é verificando seus cases de cloud computing no varejo.

  1. Escolha o melhor formato para o seu negócio

Existem diferentes ofertas de nuvem no mercado e suas aplicações podem variar desde o tamanho da empresa, até o segmento de atuação. Veja:

  • Nuvem pública: trata-se de uma infraestrutura compartilhada entre diversos clientes e toda a interação se dá por meio de protocolos da internet.
  • Nuvem privada: pesquisa realizada pela Harris Interactive, empresa de pesquisa de mercado, essa modalidade foi considerada por 89% dos entrevistados como uma das melhores opções para empresas. A nuvem privada é ideal para negócios com necessidade de hospedagem de sistemas de missão crítica, com maior controle e segurança.
  • Nuvem híbrida: mescla ambos os conceitos, ampliando a diversidade de usos. É possível optar por guardar dados sensíveis em uma aplicação na nuvem privada e outros projetos em uma nuvem pública ou in house.
  1. Pense no projeto de migração

O projeto de migração fica mais simples e ágil quando feito em conjunto com um parceiro especialista em cloud computing, pois leva consideração aspectos estratégicos, financeiros, os riscos e as questões de segurança. Trabalhar com um parceiro qualificado em outsourcing de TI garante que você possa contar com um gerenciamento pró-ativo dos ambientes, diminuindo os riscos mapeados. Além disso, deve ser estabelecido um SLA das aplicações para as áreas de negócios e um trabalho de melhoria contínua com análise de indicadores e correção pró-ativa.

  1. Reorganize sua agenda

Com a transição para o modelo de cloud corporativa, a agenda do gerente de TI do varejo muda. Atividades operacionais que consumiam um tempo valioso (como a  a gestão e monitoração “24x7x365” de todos os links das operadoras de telecom, por exemplo), passa a ser responsabilidade do parceiro. Com isso, abre-se espaço para pensar em inovação e se dedicar aos projetos estratégicos que trarão mais produtividade e novas fontes de receita para a empresa.

Seguindo esses passos, o gerente de TI do varejo deixará a “casa em ordem” para receber a nova tecnologia e aproveitar rapidamente todos os benefícios que ela trará para a empresa.

Conte com a CorpFlex nessa jornada em busca da alta performance de Ti no varejo. Clique aqui e fale com a gente!

 

Comentários

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Quem já está na nuvem certa