Gastos em infraestrutura de TI para nuvem crescem 48%

  • Compartilhar

 

Os gastos mundiais em infraestrutura de TI para nuvem continuaram o ritmo de crescimento no segundo trimestre de 2018, respondendo por quase metade dos gastos gerais com infraestrutura de TI. Segundo a IDC, a receita de vendas de produtos de infraestrutura (servidores, storage e switch Ethernet) para TI em nuvem, incluindo nuvem pública e privada, cresceu 48,4% em relação ao ano anterior, atingindo US$ 15,4 bilhões.

A IDC também elevou sua previsão de gastos totais (receita reconhecida pelo fornecedor mais receita de canal) em infraestrutura de TI em nuvem em 2018 para US$ 62,2 bilhões, com um crescimento ano a ano de 31,1%.

Natalya Yezhkova, diretora de pesquisa de Infraestrutura de TI e Plataformas na IDC, afirma que, como a participação dos ambientes de nuvem nos gastos gerais com infraestrutura de TI continua a subir e se aproxima de 50%, é evidente que a nuvem, que costumava ser um setor emergente da indústria de infraestrutura de TI, é agora a norma. “Uma das tarefas para as empresas, agora não é apenas decidir quais recursos de nuvem usar, mas, na verdade, como gerenciar múltiplos recursos de nuvem. A capacidade dos usuários finais de utilizar recursos com várias nuvens é um importante fator de maior proliferação para ambientes de nuvem pública e privada”, comentou.

Todas as regiões aumentaram sua receita de infraestrutura de TI na nuvem em dois dígitos no 2T18. Ásia/Pacífico (excluindo o Japão) (APeJ) cresceu a receita mais rapidamente, em 78,5% ano a ano. Dentro da APeJ, a receita de TI em nuvem da China quase dobrou de um ano para outro, crescendo em 96,4%, enquanto o restante da Ásia/Pacífico (excluindo o Japão e a China) cresceu 50,4%. Outras regiões que mais cresceram no 2T18 foram América Latina (47,4%), EUA (44,9%) e Japão (35,8%).

Fonte; IT FORUM 365

Comentários

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Quem já está na nuvem certa